Foda-se o amor

E lá vou eu falar de amor de novo…

Não, eu não gosto de falar de amor. Ok, talvez eu goste. Não é um consenso comigo mesmo.

É que ontem eu pensei muito. Mais do que o normal.

Eu não quero que minha vida seja um draminha adolescente. Eu não quero ter que passar várias horas na cama porque eu estou mal por alguma coisa que não sei explicar. Ontem, sua imagem me vinha a mente a intervalos irregulares e aleatórios. Pois é, você perturbou meu sono. Pelo menos a uma conclusão eu cheguei: foda-se o amor. E daí se eu não sei dizer o que sinto por você? E daí se eu não sei dizer o que é o amor?

De verdade, eu não vou perder tempo perguntando, e nem procurando respostas.

Eu gosto de você.  Eu gosto de estar com você. Eu me sento bem com você por perto. Isso é o suficiente. Pelo menos pra mim, pelo menos por agora.

Talvez amor seja só uma porra de palavra sem significado. Talvez seja o “não-explicar”. Eu não tô ligando. Agora não.

Decidi que vou apenas passar o máximo de tempo com você. Te consumir. Sem moderação, sem compromisso.

É capaz que eu me arrependa, mas pela primeira vez vou tentar deixar as coisas fluirem. Se a amor, talvez eu nunca descubra.  Isso não importa. Eu importo. Você importa. E tudo entre nós. Enquanto dure.

E como diz uma frase de six feet under, que o Nate disse:

“Amor não é algo que se sente. É algo que se faz. E se a pessoa com quem está, não quiser, faça um favor a si mesmo e guarde pra quem queira.”

Thiago B.

Anúncios

2 comentários sobre “Foda-se o amor

  1. muito bom
    pra mim…
    o amor não é um sentimento,mas sim uma decisão
    não é simplesmente olhar pra alguém e se deixar levar,é muito mais…
    é conhecer uma pessoa e escolher gostar dela,é arranjar motivos pra estar perto sem ao menos saber o porquê.
    Você não ama simplesmente uma pessoa,porque pra tal amor existir,vc tem q ao menos querer gostar dela e estar disposto a conquistá-la.
    Vc pode até dizer aos outros:”odeio essa pessoa,não gosto dela” ou “não tem nada a ver”,mas no fundinho vc se recusa a esquecê-la e quer sempre tê-la em sua mente,inventar planos a dois,mais ou menos assim.
    E isso não é algo que flui naturalmente,é uma opinião sua a respeito de alguém.

  2. O amor é phoda!!!!

    Caramba, até lembrei dos meus momentos depressimos quando estava apaixonado.

    Boa dica, é guardar o amor para quem queira!

    Parabéns pelo blog!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s